Compartilhar:  

Contar em grayis

Visão geral da língua

Quarenta e dois em grayis O grayis é uma linguagem a priori construída pelo canadiano BenJamin P. Johnson para o jogo de tabuleiro Pilots of Gallaxia por Infinite Mind Pictures. O grayis é a língua do Grayis Kin, uma das seis raças alienígenas desse universo.

Lista de números em grayis

  • 19 – rī
  • 29 – ai
  • 39 – chil
  • 49 – chirri
  • 59 – kilai
  • 69 – aichī
  • 79 – chalayī
  • 89 – nauri
  • 109 – nā
  • 119 – narī
  • 129 – nanai
  • 139 – nachil
  • 149 – nachirri
  • 159 – nakilai
  • 169 – nalaichī
  • 179 – nachalayī
  • 189 – nanāli
  • 209 – ayinnā
  • 309 – chillīkka
  • 409 – chirrinnā
  • 509 – kilinnā
  • 609 – aichinnā
  • 709 – chalainā
  • 809 – naurinnā
  • 1009 – duhkā

O sistema nonal

A numeração da língua grayis usa o sistema nonal, ou de base 9. Para entender melhor a base nonal, começamos com uma base mais conhecida: a base decimal. Na base 10, temos dez dígitos, do zero ao nove. Ao adicionar 1 (um) a 9 (nove), obtemos 10 (dez), ou a unidade 1 (um) seguida por 0 (zero). Este sistema é chamado notação posicional (as cifras representam as unidades, e a sua fila o expoente de dez). Assim, 132 decompõe-se em 100 + 30 + 2 = 1*102 + 3 *101 + 2 *100.
A base 9 utiliza os dígitos do 0 ao 8. A sua primeira dezena é 9 em decimal (910 = 109), a base escrevendo-se em subíndice. A decomposição de um número nonal (num sistema posicional) é equivalente ao sistema decimal, só a base muda: (132)9 = 1*92 + 3 *91 + 2 *90. Se fizermos o cálculo, recuperamos o número decimal correspondente, neste caso 110.

Regras de numeração do grayis

Agora que teve uma visão geral dos números mais comuns, vamos passar para as regras para escrever as dezenas, os números compostos, e porque não as centenas, os milhares e além (se for possível).

  • Embora sigam um sistema de numeração nonal, os números em grayis também têm um sistema interno ternário que podemos ver através da etimologia dos algarismos. Os algarismos de um até oito são: [1], ai [2], chil [3], chirri [4] (3+1), kilai [5] (3+2), aichī [6] (2*3), chalayī [7] (4*2-1) e nauri [8] (9-1).
  • As dezenas formam-se por prefixação de uma forma do algarismo multiplicador ao algarismo nove (que é a dezena na base nove), exceto para nove em si: [109/910], ayinnā [209/1810], chillīkka [309/2710], chirrinnā [409/3610], kilinnā [509/4510], aichinnā [609/5410], chalainā [709/6310] e naurinnā [809/7210].
  • Os números de 119 até 189 formam-se começando com a palavra para o nonal dez () sem diacríticos, seguido diretamente pela unidade sem espaço: narī [119/1010], nanai [129/1110], nachil [139/1210], nachirri [149/1310], nakilai [159/1410], nalaichī [169/1510], nachalayī [179/1610] e nanāli [189/1710].
  • Os números compostos formam-se começando pela dezena, seguida da conjunção ha (e), e da unidade (exemplo: ayinnā ha chil [239/2110], chalainā ha kilai [759/6810])
  • O cem nonal é duhkā [1009/8110].
  • Os números de escala superior são: kaigu [mil nonal, (109)3/72910 ou (8110)3], nakaigu [dez mil nonal, 10 0009/6 56110 ou (310)8], duhkakkaigu [cem mil nonal, 100 0009/59 04910 ou (310)10], īlim [milhão nonal, (109)6/531 44110 ou (8110)6], jumai [mil milhões nonal, (109)9/387 420 48910 ou (8110)9].

Fonte

Outras línguas artísticas

Atlanteano, atriano, ayeri, azazilúŝ, barsoomiano, crioulo da cintura, dai, dovahzul, d’ni, engála, giak, grayis, hen linge, hyliano, illitan, ithkuil, itláni, kēlen, kiitra, KiLiKi, láadan, na’vi, shiväisith, siinyamda, tpaalha, trigedasleng, tüchte, va ehenív, verduriano e wardwesân.

Outras línguas suportadas

As outras línguas atualmente suportadas são muito numerosas para serem listadas aqui. Por favor selecione uma língua na lista completa das línguas suportadas.

Este site usa cookies para fins estatísticos e de publicidade. Ao utilizar este site, você aceita o uso de cookies.