Compartilhar:  

Contar em aimará

Visão geral da língua

Quarenta e dois em aimará A língua aimará (aymar aru) é uma das três línguas da família aimará, as outras sendo o jaqaru e o kawki. É falada pelo povo Aimara dos Andes na Bolívia, no Peru e no Chile, e tem cerca de 2,2 milhões de falantes.

Lista de números em aimará

  • 1 – maya
  • 2 – paya
  • 3 – quimsa
  • 4 – pusi
  • 5 – pheska
  • 6 – sojjta
  • 7 – pakallko
  • 8 – quimsakallko
  • 9 – llätunca
  • 10 – tunca
  • 11 – tunca mayani
  • 12 – tunca payani
  • 13 – tunca quimsani
  • 14 – tunca pusini
  • 15 – tunca pheskani
  • 16 – tunca sojjtani
  • 17 – tunca pakallkoni
  • 18 – tunca quimsakallkoni
  • 19 – tunca llätuncani
  • 20 – pä tunca
  • 30 – quimsa tunca
  • 40 – pusi tunca
  • 50 – pheska tunca
  • 60 – sojjta tunca
  • 70 – pakallk tunca
  • 80 – quimsakallk tunca
  • 90 – llätunc tunca
  • 100 – pataca
  • 1 000 – waranka
  • um milhão – millona

Regras de numeração do aimará

Agora que teve uma visão geral dos números mais comuns, vamos passar para as regras para escrever as dezenas, os números compostos, e porque não as centenas, os milhares e além (se for possível).

  • Os algarismos de um até nove têm nomes específicos: maya [1], paya (ou quando composto) [2], quimsa [3], pusi [4], pheska [5], sojjta [6], pakallko [7], quimsakallko [8] e llätunca [9].
  • As dezenas formam-se começando pelo algarismo multiplicador (que muitas vezes perde sua vogal final), seguido pela palavra para dez (tunca) separada por um espaço, com a exceção de dez mesmo: tunca [10], pä tunca [20], quimsa tunca [30], pusi tunca [40], pheska tunca [50], sojjta tunca [60], pakallk tunca [70], quimsakallk tunca [80] e llätunc tunca [90].
  • Os números compostos formam-se começando pela dezena (apocopada da sua vogal final), seguida pela unidade com o sufixo ni (que significa com, e), separada por um espaço (exemplo: pä tunc quimsakallkoni [28]).
  • As centenas formam-se começando pelo algarismo multiplicador (a vogal final pode ter caído), seguido pela palavra para cem (pataca) separada por um espaço, com a exceção de cem mesmo: pataca [100], pä pataca [200], quimsa pataca [300], pusi pataca [400], pheska pataca [500], sojjta pataca [600], pakallk pataca [700], quimsakallk pataca [800] e llätunc pataca [900].
  • Os milhares formam-se começando pelo algarismo multiplicador (com frequentemente o apócope da vogal final), seguido pela palavra para mil (waranka) separada por um espaço, com a exceção de mil mesmo: waranka [1 000], pä waranka [2 000], quimsa waranka [3 000], pusi waranka [4 000], pheska waranka [5 000], sojjta waranka [6 000], pakallk waranka [7 000], quimsakallk waranka [8 000] e llätunc waranka [9 000].
  • A palavra para milhão é millona, emprestado do espanhol millón.

Escrever un número em palavras em aimará

Passemos à aplicação prática das regras de numeração em aimará. Consegue adivinhar como se escreve um número? Digite um número e tente formulá-lo na sua cabeça, ou porque não escrevê-lo num pedaço de papel, antes de exibir a resposta.

Livros

Aymara básico para principiantes Aymara básico para principiantes
por , editora Independently published (2018)
[Amazon.com Amazon.com, Kindle - Amazon.com Kindle - Amazon.com]

Aymara express Aymara express
por , editora Dauphin (2011)
[Amazon.com Amazon.com]

Línguas aimarás

Aimará e jaqaru.

Outras línguas suportadas

As outras línguas atualmente suportadas são muito numerosas para serem listadas aqui. Por favor selecione uma língua na lista completa das línguas suportadas.

Este site usa cookies para fins estatísticos e de publicidade. Ao utilizar este site, você aceita o uso de cookies.