Compartilhar:  

Contar em awa pit

Visão geral da língua

Quarenta e dois em awa pit A língua awa pit, também conhecida como cuaiquer ou kwaiker, pertence à família de línguas barbacoas. Falado pelo povo Awá ou Awa-Kwaiker do Equador (nas províncias de Carchi e Sucumbios) e Colômbia (nos departamentos de Nariño e Putumayo), o awa pit conta cerca de 13 000 falantes.

Lista de números em awa pit

  • 1 – maza
  • 2 – paz
  • 3 – kutña
  • 4 – ampara
  • 5 – chish
  • 6 – wak
  • 7 – pikamta
  • 8 – ita
  • 9 – toil
  • 10 – pazchish
  • 11 – maza maza
  • 12 – maza paz
  • 13 – maza kutña
  • 14 – maza ampara
  • 15 – maza chish
  • 16 – maza wak
  • 17 – maza pikamta
  • 18 – maza ita
  • 19 – maza toil
  • 20 – paz chalkuil
  • 30 – kutña chalkuil
  • 40 – ampara chalkuil
  • 50 – chish chalkuil
  • 60 – wak chalkuil
  • 70 – pikamta chalkuil
  • 80 – ita chalkuil
  • 90 – toil chalkuil
  • 100 – pik:
  • 1 000 – im:

Os neologismos da numeração awa

Na cultura do povo Awa, havia só algarismos de um até quatro: maza [1], pas [2], kutña [3] e ampara [4]. Para poder contar depois, uns neologismos foram criados para os algarismos de cinco até nove, e para os nomes de escala, o potências de dez: pazchish [dez, 101], pik: [cem, 102], im: [mil, 103] e kɨm: [milhão, 106]. Assim, foi desenvolvido um sistema numérico completo de base dez.

Regras de numeração do awa pit

Agora que teve uma visão geral dos números mais comuns, vamos passar para as regras para escrever as dezenas, os números compostos, e porque não as centenas, os milhares e além (se for possível).

  • Os algarismos de zero até nove têm nomes específicos: chalkuil [0], maza [1], paz [2], kutña [3], ampara [4], chish (ou shish) [5], wak [6], pikamta (ou pikam) [7], ita [8] e toil (ou tuil) [9].
  • As dezenas formam-se começando pelo algarismo multiplicador, seguido pela palavra para zero (chalkuil), separada por um espaço, seguindo assim uma convenção de nomeação posicional, com a exceção de dez que se pode dizer pazchish (ou 2*5): pazchish (2*5), pazshish (2*5) ou maza chalkuil [10] (1 0), paz chalkuil [20] (2 0), kutña chalkuil [30], ampara chalkuil [40], chish chalkuil (ou shish chalkuil) [50], wak chalkuil [60], pikamta chalkuil (ou pikam chalkuil) [70], ita chalkuil [80] e toil chalkuil (ou tuil chalkuil) [90].
  • Os números compostos formam-se seguindo o mesmo sistema de nomeação, isto é começando pelo multiplicador da dezena, e logo a unidade separada por um espaço (exemplo: maza wak [16] (1 6), paz kutña [23] (2 3), ita ita [88] (8 8)).
  • As centenas formam-se começando pelo algarismo multiplicador, seguido da palavra para cem (pik:), com a exceção mesmo de cem: pik: [100], paz pik: [200], kutña pik: [300], ampara pik: [400], chish pik: [500], wak pik: [600], pikam pik: [700], ita pik: [800] e toil pik: [900].
  • Os milhares formam-se começando pelo algarismo multiplicador, seguido da palavra para mil (im:), com a exceção mesmo de mil: im: [1 000], paz im: [2 000], kutña im: [3 000], ampara im: [4 000], chish im: [5 000], wak im: [6 000], pikam im: [7 000], ita im: [8 000] e toil im: [9 000].
  • A palavra para milhão é kɨm: [milhão, 106].

Escrever un número em palavras em awa pit

Passemos à aplicação prática das regras de numeração em awa pit. Consegue adivinhar como se escreve um número? Digite um número e tente formulá-lo na sua cabeça, ou porque não escrevê-lo num pedaço de papel, antes de exibir a resposta.

Fonte

Outras línguas suportadas

As outras línguas atualmente suportadas são muito numerosas para serem listadas aqui. Por favor selecione uma língua na lista completa das línguas suportadas.

Este site usa cookies para fins estatísticos e de publicidade. Ao utilizar este site, você aceita o uso de cookies.