Compartilhar:    

Contar em soninquê

Digite um número e leia-o por extenso em soninquê.

Visão geral

A língua soninquê (sooninkanxanne) pertence à família das línguas mandingas. É falada principalmente em Mali, mas também em Senegal, na Costa do Marfim, em Gâmbia, na Mauritânia, na Guiné-Bissau e na Guiné. Língua oficial em Mali, em Senegal e na Mauritânia, tem cerca de um milhão de falantes.

Lista de números em soninquê

  • 1 – baane
  • 2 – fillo
  • 3 – sikko
  • 4 – naxato
  • 5 – karago
  • 6 – tumu
  • 7 – ñeru
  • 8 – segu
  • 9 – kabu
  • 10 – tanmu
  • 11 – tanmu do baane
  • 12 – tanmu do fillo
  • 13 – tanmu do sikko
  • 14 – tanmu do naxato
  • 15 – tanmu do karago
  • 16 – tanmu do tumu
  • 17 – tanmu do ñeru
  • 18 – tanmu do segu
  • 19 – tanmu do kabu
  • 20 – tanfille
  • 30 – tanjikke
  • 40 – tannaxate
  • 50 – tankarage
  • 60 – tandume
  • 70 – tanñere
  • 80 – tansege
  • 90 – tankabe
  • 100 – kame
  • 1 000 – wujjuune
  • um milhão – miliyo
  • mil milhões – miliyaari

Regras de numeração do soninquê

  • Os algarismos de um a nove têm nomes específicos: baane [1], fillo [2], sikko [3], naxato [4], karago [5], tumu [6], ñeru [7], segu [8] e kabu [9].
  • As dezenas formam-se pondo o sufixo tan antes do algarismo multiplicador, com umas exceções: tanmu [10], tanfille [20], tanjikke [30], tannaxate [40], tankarage [50], tandume [60], tanñere [70], tansege [80] e tankabe [90].
  • Os números compostos formam-se dizendo a dezena, depois a conjunção do, e a unidade (exemplo: tanmu do segu [18], tankarage do naxato [54]).
  • As centenas formam-se pondo o algarismo multiplicador depois da palavra para cem (kame em singular, kamo em plural). Também utiliza-se a forma plural do algarismo multiplicador, isto é filli [2], sikki [3], naxati [4], karagi [5], tumi [6], ñeri [7], segi [8] e kabi [9]. Assim obtemos: kame [100] (em singular, sem unidade multiplicadora), kamo filli [200] (ambos em plural), kamo sikki [300], kamo naxati [400], kamo karagi [500], kamo tumi [600], kamo ñeri [700], kamo segi [800] e kamo kabi [900].
  • Os números de escala maior formam-se da mesma maneira do que as centenas. A palavra para mil é wujjuune (wujjuunu em plural), empréstimo da língua fula; a palavra para milhão é miliyo (miliyonu em plural), empréstimo do francês million; a palavra para mil milhões és miliyaari (miliyaarinu em plural), empréstimo do francês milliard (exemplo: wujjuune [1 000], wujjuunu sikki [3 000], miliyonu naxati [4 milhões], miliyaarinu karagi [5 mil milhões]).
  • Cada grupo de números está unido pela palavra do (e), dezenas e unidades, mas também centenas e dezenas, milhares e centenas… (exemplo: tanfille do sikko [23], kame do tankarage [150], wujjuune do kamo filli do tanjikke do naxato [1 234]).

Livros

Parlons soninkéParlons soninké
por , editora L’Harmattan (1996)
[Amazon.com Amazon.com, Kindle - Amazon.com Kindle - Amazon.com]

Phonologie et morphologie du soninké : Une analyse non linéairePhonologie et morphologie du soninké : Une analyse non linéaire
por , editora VDM Verlag (2009)
[Amazon.com Amazon.com]

Línguas mandês

Bambara, maninka, soninquê e susu.

Outras línguas suportadas

Línguas suportadas por famílias
As outras línguas atualmente suportadas são muito numerosas para serem listadas aqui. Por favor selecione uma língua na lista drop-down abaixo ou clique na lista completa das línguas suportadas.

Este site usa cookies para fins estatísticos e de publicidade. Ao utilizar este site, você aceita o uso de cookies.