Compartilhar:    

Contar em gilbertês

Digite um número e leia-o por extenso em gilbertês.

Visão geral

A língua gilbertesa (gilbertense ou quiribati, kiribati) pertence à família das línguas austronésias, e mais especificamente ao grupo micronésio das línguas oceânicas. A maioria dos falantes de Kiribati (97%) vivem na República do Kiribati, os outros moram em Rabi (Fiji), em Nauru, nas Ilhas Salomão, em Nui (Tuvalu) e em Vanuatu. O gilbertês conta com cerca de 102 000 falantes.

Os clasificadores numéricos do kiribati

Os clasificadores numéricos são os sufixos que se aplicam nas raízes numéricas. Eles são classificados em diferentes categorias. Os mais utilizados são os seguintes:

  • -ua: classificador genérico para os objetos comuns, quando o classificador não é conhecido e pelos períodos de tempo. É o classificador o mais geralmente usado para contar.
  • -man: objetos animados (pessoas, animais, pássaros, insetos e a maioria dos peixes, exceto os mais grandes que utilizan o clasificador -ai)
  • -kai: árvores, arbustos, terrenos, anzóis
  • -ai: peixes grandes, dedos, dentes, madeira e outros objetos alongados (varas, lápis, garrafas, réguas, facas…)
  • -waa: modos de transporte (barcos, canoas, carros, aviões…)
  • -baa: folhas, papel, objetos planos

Regras de numeração do gilbertês

  • Os algarismos de um a nove baseam-se nas suas raízes específicas seguidas do clasificador genérico -ua, à exceção de zero: akea [0] (o que significa nada), teuana [1] (raiz: te-, sufixo -na), uoua [2] (a raiz uo- só aparece com o classificador genérico -ua e com o classificador das coisas animadas -man. Nos outros casos, aparece como ua-), tenua [3] (raiz: ten(i)-), aua [4] (raiz: a-), nimaua [5] (raiz: nima-), onoua [6] (raiz: ono-), itua [7] (raiz: it(i)-), wanua [8] (raiz: wan(i)-) e ruaiwa [9] (raiz: ruai-). As formas de três, sete e oito que utilizam a letra i (teniua [3], itiua [7] e waniua [8]) existem apenas no gilbertês do sul.
  • As decenas formam-se sufixando a raiz do multiplicador pelo clasificador das dezenas -bwi: tebwina [10] (de te-, sufixado por -na), uabwi [20] (e não uobwi), tenibwi [30], abwi [40], nimabwi [50], onobwi [60], itibwi [70], wanibwi [80] e ruabwi [90].
  • Os números compostos formam-se unido a dezena e a unidade com a palavra ma (e/com), a palavra para dez perdendo o seu sufixo -na para formar os números de onze a dezanove: tebwi ma uoua [12], tenibwi ma teuana [31].
  • As centenas formam-se sufixando a raiz do multiplicador com a palavra para cento (bubua): tebubua [100], uabubua [200], tenibubua [300], abubua [400], nimabubua [500], onobubua [600], itibubua [700], wanibubua [800] e ruabubua [900].
  • Nas centenas compostas com unidades, a conjunção ma substitui-se por ao (e): uabubua ao tenua [203], nimabubua ao teuana [501]. Não há de conjunção entre as centenas e as decenas (exemplo: itibubua wanibwi ma uoua [782]).
  • Os milhares formam-se geralmente pondo o multiplicador antes da palavra para mil (tengaa). Na maioria dos casos, porém, a raiz -ngaa é apenas precedida pela raiz do multiplicador: (teuana) tengaa/tengaa [1 000], uoua tengaa/uangaa [2 000], teniua tengaa/teningaa [3 000], aua tengaa/angaa [4 000]…
  • Nos milhares compostos com dezenas ou unidades, a conjunção ma substitui-se por ao (e): uangaa ao tenua [2 003], angaa ao uabwi [4 020]. Não há de conjunção entre os milhares e as centenas (exemplo: angaa nimabubua [4 500]).
  • Os milhões formam-se habitualmente pondo o multiplicador antes da expressão por um milhão te mirion (emprestado do inglês million, ou milhão), à exceção de um milhão: te mirion [1 milhão], tenibubua te mirion [300 milhões].
  • Os miles de milhões formam-se como os milhões, pondo o multiplicador antes da expressão por mil milhões te birian (emprestado do inglês billion, ou mil milhões), à exceção de mil milhões: te birian [mil milhões], tenibubua te birian [300 mil milhões].
  • No sistema kiribati tradicional, para os números a partir de mil, os prefixos numéricos tiveram utilizados com as formas por mil, dez mil e os multiples seguintes de mil até mil milhões: te ngaa [1 000], te rebu [10 000], te kuri [100 000], te ea [1 milhão], te tano [10 milhões] e te taki [100 milhões].

Lista de números

1 – teuana
2 – uoua
3 – tenua
4 – aua
5 – nimaua
6 – onoua
7 – itua
8 – wanua
9 – ruaiwa
10 – tebwina
11 – tebwi ma teuana
12 – tebwi ma uoua
13 – tebwi ma tenua
14 – tebwi ma aua
15 – tebwi ma nimaua
16 – tebwi ma onoua
17 – tebwi ma itua
18 – tebwi ma wanua
19 – tebwi ma ruaiwa
20 – uabwi
30 – tenibwi
40 – abwi
50 – nimabwi
60 – onobwi
70 – itibwi
80 – wanibwi
90 – ruabwi
100 – tebubua
1 000 – tengaa
um milhão – te mirion
mil milhões – te birian

Ligações

  • Kiribati, por Stephen Trussel (em inglês)

Línguas malaio-polinésias centrales

Éfaté do sul, gilbertês, nume e tocodede.

Outras línguas suportadas

Línguas suportadas por famílias
As outras línguas atualmente suportadas são muito numerosas para serem listadas aqui. Por favor selecione uma língua na lista drop-down abaixo ou clique na lista completa das línguas suportadas.